«

jun 02

Festas Juninas

61792913_2044068979037956_5537483970180022272_n

Quem não gosta deste período de festas juninas e julinas?
É um momento oportuno para celebração da cultura popular brasileira vivenciada nos meses de junho e julho, com suas gostosas comidas típicas, músicas alegres e roupas coloridas. E foi pensando nesta Tradicional Festividade que o Mosteiro da Luz celebra festas juninas e julinas com a organização das monjas concepcionistas. Essa tradicional festa que foi trazida para o Brasil por influência dos portugueses no século XVI, é uma excelente oportunidade para quem procura na cidade de São Paulo interação com celebrações que passam de geração a geração, gerando um sentimento de identidade e continuidade, contribuindo para promover o respeito à diversidade cultural.
A celebração das festas juninas e julinas acontecerão durante todos os finais de semana de junho e nos dias 6, 7, 13 e 14 de julho de 2019, e conta com o essencial voluntariado que dedicam seu tempo e conhecimento em prol da cultura brasileira.
O agradável ambiente é uma opção típica para toda família. Além de um encontro familiar, durante os dias de festividades, os convidados poderão contemplar o “Patrimônio Material e Imaterial” que compõem o Bairro da Luz, sobretudo, agregar mais conhecimento sobre este significativo Patrimônio Tombado pelo Iphan em 1938. O Mosteiro da Luz é um importante símbolo para cidade de São Paulo, que resiste às intempéries há 245 anos, desde a sua fundação, em fevereiro de 1774, – que faz parte da Ordem da Imaculada Conceição – fundada por Santa Beatriz da Silva, no século XV, em Toledo, na Espanha. “Guardiãs do Mosteiro,” as monjas concepcionistas, dedicam-se à vida contemplativa e vivem em clausura monástica, reclusas no convento que fora projetado e construído por Frei Galvão, na época, Brasil colônia.
Frei Galvão, como é mais conhecido, foi beatificado pelo Papa João Paulo II, no dia 25 de outubro de 1998, em Roma e canonizado por Bento XVI, durante sua visita ao Brasil, em maio de 2007.
Na capela de Frei Galvão, diante do altar-mor, encontra-se o túmulo com os restos mortais do primeiro santo brasileiro de nome completo, Santo Antônio de Sant’Ana Galvão, local que é motivo de peregrinação de muitos fiéis que chegam para fazer suas orações e pedidos ao santo milagroso, além de retirar as pílulas da fé, gratuitamente.
Apesar do Mosteiro da Luz estar localizado numa avenida muito movimentada, a Tiradentes, seu interior é um espaço convidativo à meditação. Diante deste contexto de fé e história, as festas juninas e julinas oferecerão delícias típicas. Além disso, os visitantes poderão aproveitar o dia para conhecer o Museu de Arte Sacra de São Paulo e o Presépio Napolitano, ambos ficam no conjunto arquitetônico do Mosteiro da Luz, localizado na região central da capital paulista.
Festas Juninas e Julinas do Mosteiro da Luz
End.: Avenida Tiradentes, 676 – Luz – São Paulo
Horário: das 14h às 20h, aos sábados e domingos – ao lado da estação Tiradentes
Datas: 08, 09, 15, 16, 22, 23, 29 e 30 de junho e 6, 7, 13, 14 de julho
Para mais informações, entre em contato com Roberto Rabello no número (11) 95486-5294

Foto: Iran Monteiro/Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>